ETC

Jornal Electrónico do Agrupamento de Escolas de São Bernardo

Arquivo de Janeiro, 2009

Jogo da Tabuada

Na minha escola (EB1 de São Bernardo), na turma do professor Marco, jogamos ao Jogo daTabuada. Este jogo joga-se da seguinte maneira:
Tem de haver sempre dois meninos em jogo ao mesmo tempo. Um faz uma
pergunta sobre a tabuada ao outro, se ele acertar continua no jogo, quando perder dá lugar a outro menino escolhido pelo que está a ganhar.
Cada menino tem cinco segundos para responder à pergunta. Ganha aquele que acertar ao maior número de perguntas.
Todos os meninos da turma jogam.
Adoro este jogo, queres experimentar na tua turma?

Nome: Fábio Alexandre Carneiro Alves
Turma: SB4A
Ano de escolaridade: 4º ano
Professor: Marco Aurélio Neves

O Pássaro da Alma

passarodaalma1
No âmbito do Projecto “Vamos Ler + na Biblioteca”, a obra escolhida como “O Livro do Mês”, em Dezembro, foi O Pássaro da Alma de Michal Snunit.
Considerado, por excelência, o mês dos afectos a selecção recaiu sobre um livro que conjuga de forma tão harmoniosa conteúdo e ilustrações que simbolicamente representam vasto número de sentimentos.
É uma obra lindíssima que nos explica o que é a alma através da metáfora de um pássaro. De forma poética e única somos convidados a “voar” dentro do nosso mais íntimo e profundo sentir para perceber aquilo que sentimos, como o sentimos e porque o sentimos.
“(…) Decerto querem também saber de que é feito o pássaro da alma.
Ah, isso é mesmo muito fácil:
É feito de gavetas e mais gavetas.
(…)
E como tudo o que sentimos tem uma gaveta,
O pássaro da alma tem imensas gavetas.
A gaveta da alegria e a gaveta da tristeza.
A gaveta da inveja e a gaveta da esperança.
A gaveta da desilusão e a gaveta do desespero.(…)”
passarodaalma2

Este livro atingiu reputação internacional tendo sido traduzido em mais de 25 línguas. A sua autora é israelita e tem sido considerada uma das melhores escritoras infantis contemporâneas. A sua obra originalmente destinada às crianças tem conquistado os adultos com o mesmo entusiasmo.

No mês de Dezembro, foram vários os alunos que ouviram a sua leitura na Biblioteca.
Como motivação inicial foi utilizado um pássaro em ponto grande e várias palavras e frases, representativas de sentimentos, espalhadas pelo chão. O objectivo era que os alunos antecipassem o conteúdo do livro e relacionassem frases, sentimentos e ilustração em si.
Após o diálogo inicial, os alunos ouviram ler, confrontaram as suas antecipações sobre o conteúdo do livro, partilharam opiniões sobre o mesmo e exploraram as imagens mais significativas.
Posteriormente, associaram cada sentimento à cor da “gaveta” correspondente e colocaram cada uma das frases na “gaveta” correcta (de acordo com o sentimento que cada uma evidenciava: ex. Preguiça: Mãe, são só mais cinco minutos na cama!; Esperança: Acredito que o meu irmão vai ficar bom depressa!).
passarodaalma3
passarodaalma4
No final, cada um escolheu uma tira de papel da mesma cor que o sentimento seleccionado e escreveu uma frase pessoal de acordo com o mesmo.
As frases, sendo pessoais, foram “fechadas nas gavetas” e não podem ser divulgadas sem autorização do “dono do pássaro”. No entanto, ficam duas opiniões escritas nos cupões do concurso “O Livro do mês”, tão deliciosas quanto o livro:
“Serve de inspiração para as pessoas que não controlam os sentimentos”
“Estava tudo maravilhoso conseguiu mesmo abrir a gavetinha do afecto. Espero que o meu pássaro se torne mais obediente.”

Sofia Morais

Convite à Paz

untitled-1
A escola EB. 1 do Solposto e o Jardim de Infância, no dia 5 de Janeiro de 2009, festejaram o Dia Mundial da Paz, com uma largada de pombas. Estas pombas vieram em caixas de madeira para a escola com os seus donos, para que todos os alunos pudessem festejar este dia, tão importante.
Para festejar este dia, que se comemorou no dia 1 de Janeiro, as crianças desta escola prepararam uma banda de plástico onde todas as turmas escreveram mensagens que são apelos e convites à Paz no Mundo.
No recreio da escola, todos os meninos fizeram uma roda em volta das duas caixas e começaram a fazer contagens decrescentes. O senhor presidente da Associação de Pais abriu as gaiolas e elas esvoaçaram voando em direcção a Sul para a sua casa.
Nós adorámos as actividades deste dia porque gostávamos que todos os seres do mundo vivessem em Paz.
Não se esqueçam, abram os vossos corações e façam a Paz!
dsc00943

untitled-4

untitled-31

untitled-2

Desejos para o Ano Novo de 2009

Os corações dos Homens estão a tornar-se frios, egoístas e sem sentimentos.
As suas mentes más e sujas, provocam guerras, conflitos, mortes e destroem a Mãe Natureza.
A ambição dos Homens faz com que o Amor, a Paz e a Solidariedade desapareçam como o fumo no ar.
Vamos unir as nossas mãos e pedir que o Ano Novo 2009 tenha um novo calendário:

paz
Trabalho colectivo – alunos do 3º ano turma SP23 da EB1 do Solposto